Fiocruz Fale com a Fiocruz Fundação Oswaldo Cruz

Instituto de Tecnologia em Fármacos

webmail
CBPM • Coleção Botânica de Plantas Medicinais

Histórico

A Coleção Botânica de Plantas Medicinais foi criada em 2001 a fim de atender as necessidades de coleta de material botânico e busca de determinação botânica para estudos fitoquímicos realizados pelo Laboratório de Produtos Naturais do Instituto de Tecnologia em Fármacos de Farmanguinhos/Fiocruz.

Em 2006, a Fiocruz participou na elaboração da Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos (Decreto nº 5813, de 22 de junho de 2006), e em Farmanguinhos foi criado o Núcleo de Gestão em Biodiversidade e Saúde (NGBS). O NGBS participou do Grupo Executivo do Ministério da Saúde, responsável por apoiar a implantação da PNPMF. Mais tarde, em 2018, o NGBS e Farmanguinhos passam por uma reestruturação organizacional e o núcleo passa a ser Centro de Inovação em Biodiversidade e Saúde (CIBS).

Ainda em 2006, foi criada dentro do então NGBS, a Plataforma Agroecológica de Fitomedicamentos (PAF) que incorporou a CBPM. O herbário adequou-se a missão da plataforma, que é apoiar a inovação de medicamentos a partir da biodiversidade por meio do suporte técnico e metodológico a projetos de CT&I da área farmacêutica. Desta forma, a coleção passa a ter por objetivo a garantia da determinação botânica e a rastreabilidade de plantas medicinais a fim de subsidiar o uso racional de plantas medicinais e fitoterápicos, o uso sustentável da biodiversidade e o desenvolvimento de projetos de CT&I em medicamentos a partir de espécies vegetais.

No período entre 2013 a 2015 o herbário passou por um processo de modernização, informatização e melhoria da infraestrutura e ingressou na relação de Coleções Biológicas da Fiocruz em 2016.

Atualmente a CBPM atende, através da PAF, projetos do próprio CIBS, de grupos de pesquisa das unidades da Fiocruz e outros através da RedesFito em diferentes regiões e biomas do Brasil.


Exicatas

© 2022 Coleção Botânica de Plantas Medicinais, Instituto de Tecnologia em Fármacos, Fundação Oswaldo Cruz